31 de julho de 2010

Audimetria Semanal

Muito boa noite. Seja bem-vindo à décima oitava edição da Audimetria Semanal!

Resumo semanal

O fim-de-semana foi positivo para a SIC. Com
Alta Definição, Fama Show, os filmes, a final de Achas Que Sabes Dançar?, os noticiários, a Grande Reportagem SIC, e BBC: Vida Selvagem a obterem resultados bastante satisfatórios, a estação de Carnaxide viu a tal luz ao fundo do túnel.
No entanto, o fim-de-semana são dois dias, e a semana tem cinco. E é precisamente nesta segunda ronda que o terceiro canal ainda não se conseguiu impor. Quem ganha com isso são a RTP1, a TVI e o Cabo.

Na estação pública, destaque para
Projecto Moda. Apesar das grandes expectativas o resultado do primeiro episódio não foi nada sugestivo. De destacar sim a prestação dos noticiários do primeiro canal que continuam na linha da frente.

Na TVI, as novelas continuam a reinar no horário nobre. Os
Morangos lideram, mas não conseguem que o Jornal Nacional mantenha a vitória obtida às 19:00.

Estrela em Ascenção

Caras & Bocas está a subir. E está mesmo a ameaçar. Se há cerca de duas semanas duvidava de uma vitória da novela brasileira no horário das 19:00, hoje já não tenho tantas certezas de isso não acontecer. Por exemplo, na quarta-feira, a produção da Globo alcançou 5,6% de rating e 28,7% de share, contra os 5,2% de audiência média e 24,2% de share de O Preço Certo. A série Morangos com Açúcar conseguiu vencer, é verdade. Mas a diferença foi muito curta: 6% de rating e 27,5% de share. Será que ainda vamos regressar ao passado? Passo a explicar, há alguns anos eram as produções da Globo o grande lead-in do Jornal da Noite. Parece-me que, pelo menos agora, isso poderá acontecer. Caras & Bocas está a um pequeno passo de ganhar.

O pior da semana

Se há oito dias Vida Nova estava em maus lençóis, nesta semana esse título passa para Pai à Força. A série da RTP1, transmitida após Quem Quer Ser Milionário - Alta Pressão não tem conseguido impor-se face à concorrência. Por exemplo, na última segunda o resultado foi incrivelmente baixo: 4,1% de audiência média e 12,9% de share. Ainda está para chegar o dia em que a estação pública vai conseguir ter um bom horário nobre completo, que não seja apenas composto por um programa de sucesso. Tal como já referi noutras edições da Audimetria Semanal, deixem as repetições para os sábados e domingos à tarde. Vão ver que dão resultado...

O melhor de cada canal

RTP - 5 Para a Meia-Noite (repetição) - O melhor da RTP desta semana aconteceu na sexta-feira, mas não no primeiro canal. Apesar de ter passado às 2:30, a repetição de 5 Para Meia-Noite do último dia 23 de Julho, não se ficou pelos 10% de share, nem 15%, nem 20%. Alcançou 24,2%! Logicamente, nessa madrugada o segundo canal conseguiu ser mais visto que as outras generalistas. Apesar da hora em que foi transmitido, é necessário destacar tal resultado. Não sei de quem foi a ideia de emitir os episódios já gravados de 5 Para a Meia-Noite após o término dos directos, mas sei perfeitamente que as audiências têm sido mais que positivos.

SIC - Alta Definição - O último sábado foi marcado por um baixo consumo televisivo. No entanto, não foi apenas por isso que Alta Definição conseguiu entrar para a quinta posição do top dos cinco programas mais vistos do dia. Com 7,4% de rating e 30,8% de share, o magazine conduzido por Daniel Oliveira surpreendeu tudo e todos com uma entrevista a Carlos Cruz. E é por isto, que Alta Definição continua em "alta". A selecção de caras para entrevistar é infindável, e Daniel Oliveira sabe disso. A chave do sucesso do programa está numa pequena palavra, que resulta em grandes audiências: pensar.

TVI - Quem Quer Ganha - Escolher Quem Quer Ganha como o melhor da TVI poderá ser injusto. Mas, de facto, foi um dos poucos programas da estação de Queluz de Baixo que ainda não destaquei nesta categoria, e que tem subido nas audiências. Apesar de não vencer sempre, e de por vezes ficar na casa dos 20% de share, o concurso continua a prender a atenção dos portugueses. Não sei até que ponto é que vence o Vida Nova de José Figueiras, uma vez que o talk-show da SIC apresenta um resultado que corresponde a uma média de três horas, e o Quem Quer Ganha ao de uma. Porém, Leonor Poeiras está de parabéns. Desconheço até que ponto o término do seu concurso é verdade. E, talvez estes bons resultados, possam dar algum alento à TVI para o reformular totalmente, e dedicar menos tempo ao jogo de casa. Na quarta-feira, Quem Quer Ganha chegou aos 3,2% de rating e aos 24 pontos, tendo sido mais visto que As Tardes da Júlia.


Expectativas

Neste domingo, estreia o novo concurso de moda da SIC - À Procura do Sonho. O que esperar? Não sei. Talvez o resultado seja satisfatório. Tudo depende da curiosidade dos portugueses.
Esta sábado, na RTP1, a estreia de Carregue o Botão promete colocar os portugueses a rir. Com o talento de Fernando Mendes e José Carlos Malato, é difícil que os telespectadores fiéis à RTP1 não se rendam ao talento de ambos os apresentadores.
Na TVI, as novelas vão, apesar do baixo rating, liderar o top dos cinco programas mais vistos do dia. No entanto, a perfomance dos talk-shows do canal não será a melhor.

Até para a semana!

Fecho

Muito boa noite. O Fecho de hoje incluí mais uma crónica da autoria de Nuno Azinheira, retirada do Diário de Notícias.
Às 21:00, a Audimetria Semanal entra em linha.

Culto sobrevalorizado

A SIC enganou-se nas previsões. Acreditou que a moda fresca dos saltos para a piscina, que tão boa conta de si tinha dado no ano passado, podia voltar a fazer furor este Verão. Sobrevalorizou o seu produto, como se de um programa de culto se tratasse. "Vem aí o programa mais fresco do Verão", anunciou a estação semanas antes da estreia de Salve-se Quem Puder. A própria linguagem utilizada na emissão por Marco Horácio e Diana Chaves mudou, transformando o público jovem em destino-alvo. "Toca a ir lavar os dentes, façam tudo o que os vossos pais mandarem. Até amanhã pequenada", dizem os apresentadores no final do concurso. A intenção era óbvia: sendo um programa de culto entre a pequenada, ele contagiaria os pais também.



A história não é, afinal, bem assim. Salve-se Quem Puder está, em 2010, muito abaixo do que foi em 2009. Não só não conquista tantos espectadores como no ano passado, como não consegue o efeito bola de neve que conseguia. A culpa não é só do formato, claro: a SIC tem hoje globalmente mais dificuldades de penetração do que tinha há um ano. Coisa que o Ídolos em Setembro pode voltar a alterar, ainda que, segundo creio, com menor impacto que a última edição. Mas voltando ao concurso das paredes, vejamos os números. A média das 50 emissões já exibidas aponta para 7,1% de audiência, ou seja, 667 mil espectadores. Exactamente menos 200 mil do que, nesta altura do campeonato, há um ano, o programa conseguia (871 mil no mesmo momento do mês). Mesmo do ponto de vista competitivo, o programa baixou: 21,2% agora, 25,9 em 2009.


Os miúdos continuam a ser os mais entusiastas, é verdade. Mas são menos. Muito menos.


Episódio Seguinte


Boa Tarde! Seja bem-vindo ao Episódio Seguinte desta semana!


e João começam a namorar




É após aperceber-se de que Rafael está decidido a ficar com Susana que a vaqueira acaba por dar uma oportunidade a João. Aproveitando os últimos acontecimentos, o jovem começa, devagar, a aproximar-se de e a encantá-la com os seus modos respeitadores. Paralelamente, o vilão mantém ainda Cláudia à distância, para que esta não prejudique o seu grande objectivo.


Quando a empregada fica a saber que o seu grande amor marcou a data de casamento, perde definitivamente a esperança de ficar ao lado de Rafael. Por isso, decide dar uma oportunidade ao amor junto de João.


Por esta altura, já sabe que Teresa e Rodrigo são os seus verdadeiros progenitores. Mas isso não é entrave ao romance, dado que o rapaz não é filho biológico do casal. Na verdade, o vilão foi adoptado pela violoncelista e pelo fazendeiro quando a família ainda vivia no Uruguai. O jovem sempre soube qual a sua condição, por isso, e apesar de toda a vida ter sido tratado como um membro dos Monteiro Castro, sempre se sentiu inferiorizado.


Como tal, para poder conquistar o afecto e a confiança de Rodrigo, tudo fez para lhe agradar, tornando-se mesmo no seu braço-direito nas fazendas e também em todos os negócios da família. Assim, visto que não são irmãos de sangue, e João ficam totalmente livres para começar uma relação e viverem juntos um novo amor.


Mel dá emprego a Clara




Após o sucesso da primeira colecção, Mel e Helena começam a procurar um local onde possam montar o ateliê Aphrodite. Em conversa, a rapariga confessa à sócia que já pensou na manequim ideal para dar a cara pelo negócio das duas: Clara!


Apesar de a irmã a ter prejudicado bastante na vida pessoal e profissional, Mel está disposta a dar mais uma vez “a outra face” a bem do futuro do seu novo negócio. Esta é também uma forma de se vingar da vilã, que ficou nas ruas da amargura, depois de o ateliê de Estela ter ido por água abaixo.


Entretanto, Clara tem outra luta para enfrentar. Durante um jantar, Cláudio tenta convencê-la a comer, mas ela esconde a comida num guardanapo. Todavia, quando se levanta, deixar cair o que não ingeriu. Ao ver que foi enganado, o namorado fica furioso e ameaça deixá-la, caso ela não se trate.

A rapariga assume, assim, o seu problema e ingressa numa clínica para tratar a anorexia. O contabilista promete que ficará para sempre ao seu lado.



CURTAS:



Em Mar de Paixão, o amor que Benedita sente por Miguel vai falar mais alto e, ao aperceber-se de que Laura é uma ameaça à sua felicidade, a jovem descarrega toda a sua raiva na rival.


Em Lua Vermelha, Jaguar descobre que está a ser perseguido por Marco e fica muito irritado. O caçador de vampiros decide então vingar-se e arma-lhe uma cilada, acabando por agredi-lo.


Em Passione, os dias de glória de Fred estão prestes a terminar. Quando o empresário pensava que a sua vida iria mudar, Melina desiste de casar e deixa-o pendurado no altar.


Em Caras e Bocas, ao ouvir a explicação de Esther sobre a queda de cabelo, Tatiana emociona-se e aceita rapar os seus cabelos ruivos. É a própria mãe de Benjamim quem faz o corte.


Em A Armadilha, depois de conseguir recuperar tudo o que lhe pertence, Gustavo volta a tornar-se, aos poucos, o homem arrogante, frio e calculista que era no passado, o que faz com que Rose se desiluda com o amado.


Em Poder Paralelo, o misterioso “serial killer” vai voltar a tentar fazer vítimas. O próximo alvo é Bruno que, no entanto, consegue salvar-se.


Quiosque: Mariana, Maria, Telenovelas, TV Guia

“Casa dos Segredos” já está a ser construída


Com a estreia agendada para meados do mês de Setembro, o novo reality-show da TVI já está a ser preparado. Embora ainda se conheçam poucos pormenores no que ao espectáculo televisivo propriamente dito diz respeito, a parte técnica está a decorrer a todo o vapor.

Uma das partes essências da versão portuguesa de Secret Story é, como não podia deixar de ser, a casa onde viverão, isolados do mundo, os concorrentes escolhidos. Segundo a Notícias TV desta semana a Casa dos Segredos já está em construção.


As obras iniciaram-se no passado dia 22 de Julho e as infra-estruturas já estão praticamente terminadas. “Agora esperamos a qualquer momento que cheguem as estruturas metálicas e o pladur para acabar de construir a casa”, revelou um dos funcionários da obre à referida publicação. Este processo demorou somente quatro dias e a casa dos segredos já se encontra, ao que tudo indica, no processo de decoração e colocação de câmaras, entre muitos outros objectos.

Em Setembro, poderá ver, nos ecrãs da TVI, o resultado de todo este trabalho.


Quiosque: Notícias TV

João Cotrim Figueiredo fala sobre investimento na “Liga Sagres”


Foi durante a passada semana que o director-geral da TVI completou 100 dias de funções. Ao longo deste período de tempo, pode dizer-se que foram vários os trunfos que conquistou.


Tudo começou com a contratação de Marcelo Rebelo de Sousa e a mais recente vitória foi a transferência de Fátima Lopes para a estação. Entre estas conquistas, há ainda que ressalvar o regresso do principal campeonato de futebol profissional à TVI.


Em entrevista à revista Correio TV desta semana, João Cotrim Figueiredo falou um pouco sobre este trunfo: “É um investimento vultuoso. Acredito que temos condições de o rentabilizar, mas é um risco e isso só traz mais responsabilidade”, começou por dizer, para depois revelar a importância da transmissão em sinal aberto de alguns jogos da Liga ZON Sagres: “a TVI vai ganhar bastante, mas a liga também vai ganhar muito com a cobertura da TVI, que vai trazer de volta a noção de espectáculo”, confessou.


Quiosque: Correio TV

Diogo Morgado elogia Diana Chaves


Embora as gravações de Laços de Sangue tenham começado há pouco tempo, o certo é que os ensaios e testes de imagem já decorrem há mais de três semanas.


Como em qualquer telenovela, um dos pontos fulcrais para o seu sucesso é que haja empatia entre o casal de protagonistas. Apesar de os intérpretes de Inês e João ainda não terem gravado muitas cenas juntos, parece que a dupla está a resultar.


A prová-lo estão os elogios que Diogo Morgado teceu a Diana Chaves, na edição desta semana da revista Maria: “Trabalhar com a Diana está a ser uma surpresa muito boa. Tivemos ensaios e esta coisa de começar uma história com alguém com quem se está prestes a casar é difícil, porque temos de fazer acreditar que essa relação é antiga. A Diana tem correspondido a isso. Está sempre disponível, mas não a nível presencial. Ela está a trabalhar ao mesmo tempo e tem sido complicado, mas das vezes que nos temos encontrado, tem resultado”, explicou o galã.


Resta aguardar por meados de Setembro, quando Laços de Sangue estrear para que o telespectador retire as suas próprias conclusões.


Quiosque: Maria

Fátima Lopes leva produtora para a TVI



Quem pensou que a “transferência do ano” se resumia à apresentadora de Vida Nova está enganado. Segundo a revista Notícias TV desta semana, uma das produtoras da SIC e do programa das tardes do canal fará companhia a Fátima Lopes, tal como apurou junto de uma fonte do canal de Carnaxide, que revelou: “Uma das produtoras da SIC também saiu para a TVI”.


Embora ainda não tenha sido tornado público o nome desta responsável, é de esperar que esta integre a equipa que vai trabalhar directamente com a nova estrela TVI no seu novo programa que continua, no entanto, no segredo dos deuses. Fala-se ainda na hipótese de outros membros da equipa de Vida Nova se mudarem também para Queluz de Baixo.


Quiosque: Notícias TV

20 concorrentes na primeira gala de “Ídolos IV”


É já em Setembro que o Ídolos está de volta à televisão portuguesa. Depois de uma terceira temporada muito positiva, o programa volta a ser aposta da SIC que espera, na rentrée televisiva voltar a somar pontos com o talent-show.


E, como a aposta é para vencer, alguns aspectos serão melhorados nesta quarta edição. Ídolos IV terá mais semelhanças com a versão original, American Idol, uma vez que, ao contrário do que aconteceu no ano passado, o concurso não terá apenas 15 finalistas. Segundo a edição desta semana da revista Telenovelas, haverá 20 candidatos que demonstrarão o seu talento em directo para todo o público português.


Durante cerca de três semanas, ao que tudo indica, dos 20, serão eleitos os 10 melhores, que, posteriormente serão eliminados um a um. Caso este cenário se confirme, a calendarização do programa será a seguinte, tal nos revelou fonte da estação de Carnaxide:


12, 19 e 26 de Setembro: fase de castings,


3 e 10 de Outubro: fase de teatro,


17, 24 e 31 de Outubro: escolha dos 10 magníficos,


31 de Dezembro: escolha do Ídolo de Portugal.


Ao que parece, esta terá sido uma das mudanças que Gabriela Sobral terá imposto na quarta edição do formato.


Quiosque: Telenovelas

MMV - Minuto Mais Visto da Semana

O Minuto Mais Visto da Semana pertence à estação de Queluz de Baixo. O episódio de Espírito Indomável, transmitido no dia 19 de Julho, obteve, pelas 22 horas e 35 minutos, 16,3% de rating e 45% de share. Em números, mais de um um milhão e quinhentos mil espectadores seguiam a TVI aquela hora.
No segundo lugar ficou o Quem Quer Ser Milionário - Alta Pressão da RTP1 que, no dia 22 de Julho, pelas 21:55, alcançou os 15,9% de audiência média, tendo ultrapassado os 40 pontos.

Quiosque: Correio TV

Para lá das 24


Boa noite e bem-vindo ao último Para lá das 24 desta semana!

Camilo de Oliveira foi durante largos anos, senão mesmo décadas, um dos apogeus do humor português. Sempre numa faceta mais popular e tradicional, o seu humor contagiava as massas. Na década de 90, por exemplo, as inúmeras séries emitidas na SIC eram um autêntico sucesso de popularidade. Camilo cativava as pessoas apenas e só com a sua simplicidade.

Mas a verdade é que os tempos mudam e os hábitos, esses, também deveriam acompanhar essa mudança.

No passado Domingo tive a oportunidade de dar uma espreitadela à nova série Camilo, O Presidente. E no final, dei por mim a perguntar-me o que é que algo tão sinistro faz nos serões de uma televisão privada em Portugal.

Em Camilo, O Presidente tudo está mal. A fórmula é sempre a mesma - um Camilo cada vez mais malandro, a roçar talvez o depravado, que se envolve em hipotéticas peripécias com meninas-modelos em tudo atraentes e vistosas. No Domingo à noite fez-se humor, ou tentou fazer-se humor, com noções parvas de infidelidade, esteriótipos gay e até algum machismo.
No fundo, quem acaba de ver um episódio desta série fica com uma estranha sensação de desconforto, pois nada daquilo tem piada, nem diverte o espectador.

A SIC tem que perceber que o Camilo já não é o mesmo de há alguns anos atrás. Já para não falar do argumento que é intragável e das gargalhas que de tão forçadas e enlatas que são chegam a meter medo.
Nem os espectadores da SIC, nem Camilo de Oliveira do alto dos seus 76 anos, merecem aqueles 50 minutos semanais tão deprimentes.

30 de julho de 2010

Os Escolhidos (2ª Parte)


Os_Escolhidos

Estão em linha as restantes opiniões a concurso!


Rúben Baía - Vida Nova com José Figueiras continua sem dar resultado. Nos últimos dias o programa tem estado cada vez mais fraco, apesar da forte antecedência de A Armadilha. Qual será a melhor aposta da SIC para Setembro?

Desde os últimos tempos, quando Fátima Lopes ainda conduzia o "Vida Nova" que os maus resultados do programa vinham a tornar-se numa realidade. No entanto, desde que José Figueiras assumiu a sua condução estes têm sido ainda piores. Na minha opinião, este tipo de formato não é o adequado para o eterno "bombeiro de Carnaxide", apesar de lhe dar todo o mérito em ter aceite o desafio da direcção de programas.
Por isso, são claramente necessárias mudanças com a chegada do mês de Setembro. A meu ver existem duas hipóteses: ou um programa completamente novo com uma dupla de apresentadores, mais próximo de “Contacto” ou “Às duas por três” (Nuno Graciano e Patrícia Henrique ou Sofia Cerveira poderiam tornar-se numa dupla interessante) ou uma nova vida para o "Vida Nova", que passaria sobretudo por uma mudança de estúdio, apresentadora, e uma renovação de conteúdos. Quem sabe Adelaide de Sousa não faria esquecer a antecessora? Ou uma nova cara para Carnaxide, como por exemplo Tânia Ribas de Oliveira? Eu apostaria mais na hipótese “Vida Nova” com Adelaide de Sousa!


João Rodrigo - "Achas Que Sabes Dançar" acabou neste domingo. Para a semana inicia-se novo talent-show (Á Procura do Sonho). Conseguirá este formato voltar ao sucesso que foi Ídolos?

Em primeiro lugar, gostaria de salientar a diversidade da oferta da SIC ao nível do entretenimento, nomeadamente aos Domingos à noite. Pois foi Ídolos, depois Achas Que Sabes Dançar? e agora este novo talent-show Á Procura do Sonho.

Na minha opinião, apesar de achar que vai ser um programa interessante penso que este novo formato não vai conseguir alcançar o sucesso que foi o Ídolos. Julgo até que não conseguirá obter os mesmos resultados que o seu antecessor Achas Que Sabes Dançar?

São vários os factores que podem contribuir para que isto aconteça, apesar do tipo de programa ser benéfico nesta altura do ano, existem alguns condicionantes, pois em Agosto o consumo televisivo baixa estando muitos dos espectadores em férias dando assim menos atenção à televisão. Por outro lado, deve-se ter em atenção a dupla de apresentadores, Vanessa Oliveira tem alguma experiência televisiva, é conhecida do público e pode dar um bom contributo a este formato, já Pedro Guedes para mim é uma incógnita. Será que ele se vai adaptar bem ao programa? Será que a dupla com a Vanessa vai resultar? E quanto ao júri, será que vai ser polémico? No que diz respeito aos candidatos, haverá muitos dos chamados cromos? Todas estas questões começam a ter resposta já no próximo dia 1 de Agosto, na estreia de Á Procura do Sonho na SIC.


João Carvalho - A RTP decidiu trocar as voltas à imprensa e estreou Projecto Moda no passado domingo. O que pensas da versão portuguesa do formato? Terá a estação pública feito uma boa aposta ao emitir o primeiro programa nesta data?

Nunca imaginei ver ‘Project Runway’ ser adaptado pela RTP, por ser um reality-show e pelo seu público-alvo. É mais a cara da SIC Mulher ou mesmo da generalista. Contudo, a RTP fez bem em apostar num formato que divulga outros talentos que não o canto e a dança. Além disso, a RTP soube fugir à intimidade e às intrigas que neste tipo de programa costumam ganhar maior destaque e que não são serviço público.

Quanto à versão portuguesa em si, teve pontos positivos e negativos. A apresentadora Nayma Mingas, apesar da sua beleza e graciosidade, não nasceu para a apresentação. Na estreia esteve muito presa e colada a frases feitas, porém o seu papel é muito reduzido no programa, pelo que não causa grandes danos. Por outro lado, o programa ganhou em dinamismo, pela realização e montagem modernas, sendo desta forma capaz de captar um público mais jovem.

A estratégia de anteceder em uma semana a estreia do programa prevista pela imprensa, sem que tenha havido uma promoção atempada e eficaz, originou um resultado bem modesto, idêntico ao de Domingos anteriores naquele horário. Não foi, de todo, positivo para o programa que merecia melhores audiências.


As votações estão abertas. Vote nas suas opiniões favoritas!


Os Escolhidos

Os_Escolhidos


Muito boa noite. A terceira fase de Os Escolhidos já está em linha. Nesta sexta-feira, dizemos adeus a mais um concorrente! Um dos sete foi o menos votado com o somatório das votações do júri e dos leitores do Televisão-Opinião/TV Universo.
Explicado o método da votação final na semana passada, procedemos agora ao somatório da mesma.



Votação do público (1 a 7)


Inês Moreira – 53 votos – 7 pontos
João Rodrigo - 23 votos - 6 pontos
João Pedro - 23 votos - 5 pontos
Rúben Baía - 22 votos - 4 pontos
André Costa - 11 votos - 3 pontos
João Carvalho - 10 votos - 2 pontos
Xavier Pinto - 5 votos - 1 ponto



Votação do júri (composto por Pedro Esteves, Pedro Vendeira, Sónia Caeiro e Tiago Henriques. Votação de 1 a 7, sendo que o máximo de pontos que um concorrente poderá alcançar com o somatório dos votos do júri nesta secção são 28 pontos, e o mínimo 4 pontos)


André Costa - 28 pontos - 7 pontos
Inês Moreira – 16 pontos – 6 pontos
João Carvalho - 16 pontos - 6 pontos
João Pedro - 15 pontos - 4 pontos
Rúben Baía - 15 pontos - 4 pontos
João Rodrigo - 12 pontos - 2 pontos
Xavie Pinto - 10 pontos - 1 ponto


Somatório das duas votações:

Inês Moreira - 7 + 6 = 13 pontos
André Costa - 3 + 7 = 10 pontos
João Pedro - 5 + 4 = 9 pontos
João Carvalho - 2 + 6 = 8 pontos
João Rodrigo - 6 + 2 = 8 pontos
Rúben Baía - 4 + 4 = 10 pontos
Xavier Pinto - 1 + 1 = 2 pontos



Neste sentido, o segundo candidato a abandonar Os Escolhidos é..


Xavier Pinto



Após a segunda expulsão, é necessário iniciar a terceira fase deste concurso. São oito os comentários que poderá ler e apreciar esta noite. Fique agora com três deles:

Inês Moreira Santos - SIC e RTP possuem grandes nomes no entretenimento, e a TVI é característica pela sua forte aposta na ficção. No entanto, parece que por Queluz de Baixo o futuro poderá vir a passar por esta área. Tendo em conta que Merche Romero ou Isabel Angelino vieram recentemente a público manifestar alguma insatisfação pelo canal por onde passaram nos últimos tempos, pensas que André Cerqueira as poderá chamar, ou abordar outras estrelas?



Acredito que a TVI possa apostar mais no entretenimento mas nunca descurando, obviamente, a ficção, que tão bons resultados lhe tem trazido. Se, aliados aos grandes nomes da representação com que já trabalha, a estação de Queluz conseguir reunir também grandes nomes do entretenimento (e repare-se que já conta com Fátima Lopes), aí sim, o sucesso será mais do que garantido.

Merche Romero e Isabel Angelino quiseram provavelmente aproveitar esta onda de “tranferências” televisivas (onde já nada me espanta) para mostrar o seu descontentamento e relembrar o seu valor. Apesar de nunca ter sido grande fã da segunda, reconheço que tanto ela como Merche Romero são excelentes comunicadoras, cada uma ao seu estilo.

De entre as duas, penso que André Cerqueira optaria mais facilmente por Merche, pelo seu à vontade e simpatia. Seria ideal para um programa onde pudesse interagir com o público ou telespectadores como nos “velhos tempos” de Portugal no Coração ou mesmo para uma novela. Já Isabel Angelino, mais formal, poderia ser uma óptima escolha para um concurso como o Quem Quer Ganha, contudo, não me parece que esta “cara RTP” seja uma possibilidade para o director de programas da TVI.


João Pedro - A adaptação de "Secret Story" está a chegar à TVI. Persiste ainda a incerteza no que toca ao apresentador escolhido para conduzir o formato. Para ti, qual seria o mais indicado?

Com tantos excelentes nomes para a apresentação do programa fica complicado escolher o melhor.

Na verdade, a escolha deve recair em apenas uma pessoa. Uma dupla em, que ambos teriam o 'papel principal' neste formato não iria resultar. Teria de haver uma enorme coordenação entre os apresentadores. O formato apresentador principal + jornalista seria o ideal.

Por um lado, temos as inexperientes neste tipo de formato: Cristina Ferreira e Fátima Lopes. A Cristina tem capacidades para apresentar este programa sozinha. A Fátima precisaria de ser mais incisiva, mais frontal e muito menos transparente.

Por outro lado, os veteranos Manuel Luís Goucha, que nunca apresentou um reality show, mas faria um trabalho excepcional de certeza e Júlia Pinheiro e Teresa Guilherme, super experiente e as escolhas mais acertadas para o formato. Ambas fariam um brilhante trabalho apesar de eu preferir a Teresa, afinal ela é a cara do Big Brother em Portugal. O formato serve-lhe que nem uma luva.


André Costa - Já foi apresentada a nova telenovela da SIC, "Laços de Sangue". Com pompa e circunstância, divulgou-se que esta produção vai ser mais cara que "Perfeito Coração", apesar de ser em parceria com a Globo. Será que é este o caminho que a SIC deve tomar, ou seja, produzir o mesmo que a TVI mas melhor? Ou é necessário criar a tal alternativa que a RTP1 está a construir com "Quem Quer Ser Milionário" ou "Super Miúdos"?

Pronto! Foi apresentada à imprensa “Laços de Sangue”. Não, não, não… A nova novela portuguesa da SIC não vai estrear na próxima semana e, muito menos, daqui a duas semanas! A verdade é que parece moda, lá para os lados da SIC e da RTP1, apresentar os projectos muito antes de estrearem. Depois, alguém se lembrará?

Se este é ou não um bom projecto, só daqui a algum tempo o poderemos dizer… agora, podemos questionar se este é ou não o caminho a seguir. Com programas de cultura geral na RTP1 e novelas na TVI, por onde deverá (ou deveria) ir a SIC? Parece que não há muitas hipóteses… Se a SIC fosse na onda da RTP1, quanto a mim, não iria longe; aquele tipo de programa está enraizado na estação pública e a SIC nunca ganharia vantagem. Por outro lado, sempre houve ficção na SIC (quer em português de Portugal ou do Brasil). Agora que estão mais virados para as novelas (é um facto!) e “Laços de Sangue” será a produção nacional mais cara da SIC (no que se refere, pelo menos, às novelas), o que se espera que a estação de Carnaxide faça em relação à TVI é que não produza melhores novelas… o que se espera, então, é que façam novelas diferentes. Esse, sim, é o caminho a seguir: o da diferença!

Fecho

Muito boa noite. O Fecho de hoje incluí mais uma crónica da autoria de Joel Neto, retirada do Diário de Notícias.
Às 21:00, saiba qual O Escolhido que abandonará o concurso do Televisão-Opinião/TV Universo.

Preparar a mudança

1. Têm toda a razão, a RTP, a SIC e a TVI, quando pedem a antecipação do projecto de Alta Definição para antes do switch off analógico, marcado para 2012. Embora a Televisão Digital Terrestre vá implicar custos e diligências bastante inferiores aos implicados na contratação de um serviço de cabo ou IPTV, exigirá na mesma algumas diligências (e, de resto, algum dinheiro). Ora, para muitos portugueses, como é mais do que previsível, a exigência acabará por provocar uma espécie de fuga para a frente. Já que é preciso ter trabalho e gastar dinheiro, concluirão muitos, então ao menos faz-se já tudo de uma vez: contrata-se a Zon, o Meo ou outro distribuidor "completo" qualquer. E, perante essa súbita alteração de perfil de tantos consumidores, os canais generalistas estarão claramente fragilizados, pois já não trarão, por essa altura, muitas vantagens em relação aos canais temáticos. A TDT será o último fôlego de vida para a televisão generalista, sim. Mas mesmo para ela a televisão generalista terá de preparar-se com muito cuidado.


2. A "jornalista" espanhola Sara Carbonero foi contratada pela Mediaset Premium, de Silvio Berlusconi, para o papel de correspondente em Madrid, onde ficará encarregada de seguir com atenção o percurso de José Mourinho no Real. Parece que o velho magnata nem teve de fazer- -lhe o casting do costume: bastou assistir ao beijo que Casillas lhe deu. Entretanto, esse mesmo beijo parece representar um dos principais interesses do multimilionário norte-americano Tom Barrack, bem colocado na corrida à compra da produtora e distribuidora Miramax, quanto a um eventual filme sobre a vitória espanhola no Mundial de futebol. Eu não avisei que isto ia ficar deprimente?


Esta noite..


..não pode perder a segunda expulsão de Os Escolhidos, e os comentários dos nossos 6 magníficos! A partir das 21:00!

Patrícia Tavares protagoniza substituta de “Mar de Paixão”


Com o final de gravações agendado para os últimos dias do mês de Outubro, Mar de Paixão terá uma substituta à altura.

Embora ainda seja cedo para avançar com pormenores, o certo é que a imprensa começa a falar nesta nova produção. Ainda sem título, será, ao que tudo indica, escrita por Maria João Mira, autora de sucessos como Flor do Mar, Ilha dos Amores, entre outros.


E, à semelhança de qualquer telenovela do canal, também esta terá um elenco de luxo. A começar pelo trio de protagonistas. Segundo a revista Mariana desta semana, os principais papéis da história serão interpretados por Alexandra Lencastre, António Pedro Cerdeira e Patrícia Tavares. Ao que parece, a Patrícia de Meu Amor volta aos papéis de “boazinha”, enquanto que a empregada Dolores será a grande antagonista, que disputará o amor da personagem de António Pedro Cerdeira com a diva da TVI.


Para acompanhar estes três actores, fala-se de Joana Solnado, Núria Madruga, Sandra Faleiro, Sofia Alves, Issac Alfaiate, Lourenço Ortigão, José Carlos Pereira, Paulo Pires e Marco D’Almeida, entre muitos outros.


Quiosque: Mariana

Fala-se 30/07/2010



Boa Tarde! São 15 horas e é tempo do último Fala-se! Desta semana!




Júlio Isidro


Afastado da televisão desde que o seu talk-show Quarto Crescente terminou, o conceituado apresentador já tem um novo projecto: a partir de 15 de Agosto, juntar-se-á à equipa de Verão Total, que anda a percorrer Portugal através da RTP.


Enquanto isso não acontece, Júlio Isidro tem aproveitado para descansar, até porque ainda se encontra a recuperar de uma cirurgia. É que, há cerca de duas semanas, o comunicador foi submetido a uma operação às varizes, o que tem feito com que tenha um cuidado redobrado com o calor.



Maya


A taróloga do Companhia das Manhãs está há já algum tempo no Algarve, onde é responsável pelo Manta Beach Club, apesar de continuar a fazer a sua rubrica diária.

Algo que tem sido bastante notório é o facto de Maya estar mais magra. E tudo tem uma explicação: “Estive muito doente. O meu rim esquerdo deixa de funcionar com alguma regularidade. Com o tratamento, para que o rim voltasse a trabalhar, engordei e inchei”, confessou à TV Mais.


Todavia, a empresária já está de regresso à boa forma, após tratamentos médicos e, neste momento, a situação está estabilizada.

E, como nunca deixa de trabalhar, continua a por as noites algarvias a dançar.


Quiosque: TV Mais

Diana Chaves não foi convidada para a apresentação de “Laços de Sangue”



Foi na passada sexta-feira que a nova trama do canal de Carnaxide foi, oficialmente, apresentada à imprensa. No entanto, nem tudo correu bem. É que, para além das ausências de Nuno Santos, Luís Marques e António Parente, a protagonista da história também não esteve presente.

A versão oficial é a de que Diana Chaves se encontrava a gravar o programa Salve-se Quem Puder e não pode marcar presença, todavia, a revista Maria desta semana revela uma novidade polémica.


Segundo esta publicação, a Inês da história não recebeu sequer um convite por parte dos responsáveis da estação. É que, na quinta-feira passada, um dia antes da apresentação da telenovela, a Maria esteve à conversa com Diana Chaves e esta revelou alguma surpresa com o acontecimento do dia seguinte: “Amanhã é a apresentação da novela? Não sabia de nada. Ninguém falou comigo, por isso, para mim esse é um tema desconhecido”, confessou.


Terá sido apenas um mal entendido entre a actriz e a publicação? Uma falha na comunicação interna? Um lapso dos responsáveis? Ou terá a apresentação à imprensa sido marcada em cima do joelho? É certo que foi anunciada à imprensa na terça-feira, mas o facto de os responsáveis máximos da SIC terem marcado presença, dá que pensar.


Quiosque: Maria

Parabéns, Eunice Muñoz!


Ela é “a referência” na ficção portuguesa. Dotada de um profissionalismo inconfundível e de um curriculum extenso, Eunice Muñoz é uma referência para qualquer geração de actores. Actualmente a brilhar na telenovela Mar de Paixão, não há pontos fracos a evidenciar nesta profissional.


E porque hoje, dia em que apaga oitenta e duas velas, é dia de festa, aqui estamos nós para lhe desejar as maiores felicidades e muitos votos de que continue a dar-nos a oportunidade de acompanhar o seu trabalho!


Parabéns, Eunice Muñoz!

Parabéns, Nicolau Breyner!


Ele é um dos mais conceituados actores da actualidade. Com uma carreira bastante recheada de sucessos, o mais recente dá pelo nome de Caetano e evidencia-se em Meu Amor, produção da TVI. Apresentador, actor, realizador e muitas outras coisas, certamente, Nicolau Breyner é um dos aniversariantes do dia.


Comemora-se hoje o seu septuagésimo aniversário e, como presente antecipado, este excelente profissional receberá um novo talk-show na TVI, já a partir de Outubro. Porque hoje é um dia especial, toda a equipa do Televisão – Opinião deseja as maiores felicidades a Nicolau Breyner.



Parabéns, Nicolau Breyner!

Rodrigo Guedes de Carvalho no lugar de Júlio Magalhães?



Depois de anunciado o descontentamento com a chegada de Gabriela Sobral à estação de Carnaxide, surge agora a notícia de que uma das estrelas maiores da informação SIC poderá mudar de ares.


A notícia é avançada pela edição desta sexta-feira do jornal Sol, que dá conta de que Rodrigo Guedes de Carvalho esteve reunido com administração da TVI recentemente. Ao que parece, o pivô do Jornal da Noite poderá ter sido convidado para ser o novo director de informação da TVI.


Embora o cargo ainda seja desempenhado por Júlio Magalhães, há muito que os resultados teimam em aparecer. Com a chegada do TVI 24 à plataforma Meo, esta poderá ser uma medida de dar novo “ânimo” à informação de Queluz de Baixo.


Todavia, devido à excelente relação do jornalista com Francisco Pinto Balsemão, e ao cargo que actualmente exerce na informação da SIC, é de esperar que esta mudança fique em “águas de bacalhau”. A menos que o convite seja, efectivamente, para ser o responsável máximo pela informação, algo que poderia pesar muito na decisão de Rodrigo Guedes de Carvalho.


Aguardam-se novos desenvolvimentos deste caso.


Quiosque: Sol

Patrícia Candoso e Ana Lúcia Chita vão a banhos




É já amanhã que vai para o ar mais uma emissão especial de famosos de Salve-se Quem Puder. Depois de, na semana passada, Marco Horácio e Diana Chaves terem recebido António Camalier e Rita Frazão, esta semana serão duas senhoras as convidadas.


Ana Lúcia Chita, antiga assistente de Fernando Mendes e Patrícia Candoso são as eleitas. Enquanto que a primeira vai chefiar a equipa azul, os Badochas, a actriz e cantora será a ajudante das Bio-Trapalhonas, que vestem de vermelho.


Boa disposição, alegria e muita, muita água, são os ingredientes garantidos. Para conferir este sábado, pelas 21h30, na SIC.


Quiosque: Mariana

"Vida Nova” despede-se em Setembro


Tal como era há muito tempo aguardado, o programa das tardes da SIC terminará ainda antes da rentrée televisiva. Menos de um ano depois de ter estreado, Vida Nova chega ao fim. Em Setembro, haverá um novo formato para o seu lugar.


Ainda sem apresentadores definidos, o certo é que será algo mais “light” e com conteúdos semelhantes aos de Contacto, segundo apurámos junto a fonte próxima da estação. Quanto aos seus condutores, os nomes mais falados são os de Nuno Graciano, Ana Rita Clara, Sofia Cerveira e Raquel Strada, podendo a direcção de programas estar a preparar a contratação de uma grande cara da concorrência.


Todavia, José Figueiras, que apresenta actualmente o Vida Nova, revelou à Notícias TV o seu desejo em ser um dos rostos deste novo programa: “A partir de Setembro vai haver um novo formato e espero estar incluído. Ainda não houve conversações nem eu quero especular”, confessou o apresentador.


Resta aguardar pelo mês de Agosto, altura em que a direcção de programas começa a trabalhar no novo projecto e em que a imprensa poderá anunciar novidades.


Quiosque: Notícias TV

Carla Chambel dirige actores de “Laços de Sangue”



Afastada dos ecrãs há já algum tempo, a actriz está de volta. Mas ainda não será para interpretar uma personagem de uma telenovela.

É que Carla Chambel foi escolhida para dirigir o elenco da mais recente aposta da SIC na ficção. Ao lado da actriz estará uma colega brasileira, bastante reconhecida em terras de Vera Cruz e que já desempenhou o mesmo papel em diversas produções da TV Globo: Laís.


A dupla já trabalha afincadamente com os actores e, Carla Chambel confessou à Notícias TV a alegria com o convite: “Estou muito motivada, é uma experiência nova! Fascina-me o poder depurar o trabalho dos actores. Eles trazem coisas para nos dar e cabe à nossa capacidade de ver de fora, à nossa distância, conseguir fazê-los dar um passo mais longe. Gosto de melhorar sempre o que já temos”, disse.


Resta aguardar por Setembro, data de estreia de Laços de Sangue para avaliar o trabalho desenvolvido.


Quiosque: Notícias TV

Pedro Granger é o co-apresentador do novo reality-show da TVI


Não há ainda confirmações quanto ao anfitrião e/ou anfitriã do novo programa da TVI, no entanto a Notícias TV desta semana avança com uma novidade. Pedro Granger está preparar o regresso à apresentação e será ele o co-apresentador do formato, apesar de o director de programas tentar desviar as atenções: "Tudo é viável, ele é também um apresentador e pode fazer coisas. Mas vai estar na novela e é impossível fazer duas coisas ao mesmo tempo", revelou André Cerqueira à referida publicação.


Perante esta notícia, parece cair por terra a hipótese de a versão portuguesa de Secret Story ser apresentada por uma dupla, como chegou a ser veiculado pela imprensa.Todavia, poderá sempre haver surpresas.

Em Casa dos Segredos, o actor terá uma função semelhante à que esteve destinada a Pedro Miguel Ramos no Big Brother ou José Pedro Vasconcelos em Circo das Celebridades ou Quinta das Celebridades.


Paralelamente a tudo isto, Pedro Granger estará também no elenco de Malmequer onde irá dar vida a um dos grandes vilões. Prevê-se muito trabalho para o jovem que terá que acumular as gravações da telenovela com os directos do reality-show.


Quiosque: Notícias TV

Revista de Imprensa 30/07/2010


Bom dia! Seja bem-vindo à última Revista de Imprensa desta semana!


Herman 2010 despede-se amanhã




É já neste sábado que chega ao fim a primeira temporada do programa de Herman José. Treze programas depois, o humorista despede-se, assim, do seu público.

Como não podia deixar de ser, será uma emissão especial. E, para tal, Herman receberá Maria Rueff, Candido Mota e Yuri da Cunha. De realçar o facto de o humorista recordar duas das personagens que marcaram o humor em Portugal, Nelo e Idália.

Em meados de Setembro, ou princípios de Outubro, a RTP1 volta a apostar neste programa e trará a segunda temporada de Herman 2010.



João Baião e Isabel Figueira apresentam “Há Volta”



É já a no próximo dia 4 de Agosto que se inicia a 72ª Volta a Portugal em Bicicleta e, como não podia deixar de ser, a RTP volta a ter um programa especial sobre a competição.

Assim, a partir da próxima quarta-feira, o conhecido apresentador faz uma pausa na sua participação em Verão Total, para se juntar à cara de Top + e conduzir mais uma edição de Há Volta. À semelhança do que vem acontecendo nos últimos tempos, os dois profissionais voltam a dar a cara por este formato.


Ao longo de duas semanas, Isabel Figueira e João Baião andarão pelo mais numa autêntica “maratona”. Dia 5, o programa acompanha a primeira etapa, a partir de Oliveira de Azeméis. No dia seguinte é a vez de Santo Tirso ser palco da segunda etapa, seguindo-se, dia 7, o distrito de Viana do Castelo. Domingo é em Mondim de Basto que os ciclistas prestarão provas. Terça-feira, o Há Volta regressa, desta vez em Lamego, onde decorre a quinta etapa da volta a Portugal. No dia seguinte é Castelo Branco o distrito protagonista, seguindo-se a etapa “mais complicada”, em Seia. Dia 13 é a vez de Oliveira do Bairro e dia 14 Leiria. A 72ª Volta a Portugal em Bicicleta despede-se no domingo, dia 15, com a etapa de Lisboa.

CITAÇÃO DO DIA:


“O bom de se ser actor é conseguirmos mudar a vários níveis, quer em termos físicos, quer em termos de compor uma personagem.”


Filipe Albuquerque



Destaque do dia:


O destaque desta sexta-feira vai para o último episódio do remake de Vila Faia, que a RTP transmite hoje, pelas 15h10. Não perca!




Quiosque: TV Mais, TV Guia, TV 7 Dias

Última Hora - Faleceu António Feio!


Faleceu ontem, pelas 23h25, no Hospital da Luz, o actor que há mais de um ano lutava contra um cancro.
António Feio estava internado há mais de duas semanas e o seu estado era muito grave.

Esta notícia surge numa altura em que o actor se preparava para lançar um livro. O país está de luto! Na página oficial de António Feio, no Facebook chovem homenagens dos fãs.

Até sempre, António Feio!

Para lá das 24

Boa Noite! Seja bem-vindo a mais um Para lá das 24!


E o que há muito tempo era anunciado pela imprensa, aconteceu finalmente. José Carlos Pereira está mesmo afastado de Mar de Paixão.

Foi no final da semana passada que o actor deu uma conferência de imprensa onde confessou os seus problemas com o álcool e em que teve a seu lado Júlia Pinheiro e André Cerqueira.



Confesso que esta estratégia me surpreendeu um pouco. Depois de tanta especulação na imprensa e de tanto negarem, os responsáveis da estação acabaram mesmo por admitir a saída do actor e, na hora do “até já”, demonstraram total apoio. É claro que é de louvar a atitude, mas acredito que por detrás dela haverá alguma coisa.

Certamente que, acima de tudo, o grande objectivo passará por fazer com que a imprensa “largue” de vez José Carlos Pereira, para que este se concentre nos tratamentos que vai fazer. Por outro lado, também acredito que é uma forma de acabar definitivamente com a especulação sobre os verdadeiros motivos que levaram ao seu afastamento e deixar uma boa imagem, quer da estação, quer do Eduardo da trama.

Todavia, sou da opinião de que tudo isto poderia ser evitado. Porque razão deixaram a situação chegar a este ponto? Segundo algumas publicações, os problemas não eram de agora, já se arrastavam há algum tempo. Porque motivo José Carlos Pereira entrou em Mar de Paixão? Não havia mais actores para o seu lugar?

Não sou ninguém para fazer qualquer tipo de juízos de valor,

mas continuo a pensar que a situação não foi benéfica para nenhuma das partes. Sobretudo para o lado do actor que, embora tenha tido a coragem de vir a público afirmar o seu problema, não deixa de ficar com uma má imagem junto dos telespectadores.


Conseguirá, então, José Carlos Pereira voltar a ser o “menino de olhos azuis e ‘betinho’” que deu nas vistas em Anjo Selvagem? Não acredito muito nisso. Mais valia ter ficado calado e fazer tudo com a imprensa “à perna”? Hum, também não acredito que fosse benéfico. De tudo isto, há que enaltecer a coragem do jovem actor que, talvez inspirado em vários casos como o de Fábio Assunção, veio a público confessar a culpa e vontade de melhorar. Mas, não haverá pessoas que ficaram com a ideia de “discurso do coitadinho”?


Oxalá que não e que José Carlos Pereira volte em grande porque, embora não aprecie muito a sua forma de representar, toda a gente merece uma nova oportunidade e ele não é uma excepção à regra. As melhoras!

29 de julho de 2010

Ponto M


Boa noite! É bom tê-lo por aqui.



Muitas mudanças se deram na vida de Daniela Ruah desde a sua estreia com 16 anos na telenovela Jardins Proibidos. Da sua passagem pelo programa da RTP Dança Comigo até ao seu mais recente trabalho nos EUA onde é co-protagonista na serie televisiva NCIS: Los Angeles.

Desde sempre muito discreta na forma de vestir, opta na maior parte das ocasiões por conjuntos informais, um casual chic que lhe assenta na perfeição. A personagem que interpreta assume-se igualmente como uma mulher simples, nada exuberante.
No que diz respeito a eventos mediáticos, Daniela Ruah escolhe vestidos clássicos, no entanto actuais em tons suaves que lhe conferem quase um look de Audrey Hepburn do séc. XXI.


Destacou-se na última gala dos Globos de ouro, não apenas pelo vestido de Luís Buchinho que envergava mas tamm pelo facto de ter sido a vencedora na categoria de Actriz revelação.


Sem dúvida que se revela um ícone no que diz respeito ao trabalho no mundo do espectáculo, ganhando ainda mais relevância devido ao facto de ter expandido os seus horizontes e ser uma portuguesa, – aliás e não podendo deixar de mostrar o meu lado mais feminista – uma mulher portuguesa que triunfa fora daquilo que sempre havia sido a sua “praia”.
Como se o facto de ter a cor de um olho diferente da do outro não bastasse para lhe conferir uma singularidade extraordinária, Daniela Ruah veste-se de forma sensual nunca deixando o factor classe de parte. No caso da actriz, menos é realmente mais. Consegue com looks simples brilhar e destacar-se. Opta regularmente por vestidos pretos e a verdade é que estes nunca saem de moda e podem ser usados em qualquer estacão. A moda é cíclica, mas os vestidos pretos nunca ficam para trás.


Mais recentemente no Teen Choice Awards de 2010, foi nomeada na categoria de “Actriz de televisão: Acção" pela série NCIS: Los Angeles.
Na minha opinião o conjunto que escolheu para este evento é fabuloso. Alterou um pouco o seu look habitual, tal como mandava a ocasião e escolheu vestir um tayleur de calça preto com um corpete em renda por baixo. Novamente muito elegante sem nunca cair no inapropriado.


...Três pontos...

...Yves Saint-Laurent criou um modelo de salto acrílico transparente com enfeites dourados no seu interior, lembrando um aquário sob os pés. Mas na realidade, foi o Rei de França Luis XIV, o Rei Sol, que lançou a moda. Ele usava salto, devido à sua estatura. Para completar o "look" ele ordenava que nos seus saltos fossem esculpidas miniaturas de batalhas famosas ou cenas idílicas.

...A família do estilista francês Christian Dior, que nasceu na cidade de Grenville, cidade portuária francesa em 21 de Janeiro de 1905, queria que o mesmo fosse embaixador, por isso formou-se em ciências sociais.

Boas férias e boas modas!