31 de março de 2011

Luís Marques pisca o olho aos "Gato Fedorento"


Ausentes da televisão desde 2009, os quatro humoristas podem estar a um passo de regressar aos ecrãs e com um programa que muito sucesso fez.


Foi durante a apresentação do especial Portugal 2011- A Grande Decisão que Luís Marques abriu a porta a um regresso dos Gato Fedorento para um formato semelhante a Gato Fedorento: Esmiúça os Sufrágios: "Gostaríamos que eles [Gato Fedorento] repetissem a experiência. Se eles quiserem, cá estaremos”, afirmou o responsável da SIC ao Diário de Notícias.


Luís Marques garantiu ainda que "O convite foi feito no dia em que terminou o Gato Fedorento Esmiúça os Sufráfios". Será que o director-geral da SIC conseguirá convencer Ricardo Araújo Pereira, José Diogo Quintela, Tiago Dores e Miguel Góis a voltarem aos ecrãs?


Quiosque: Diário de Notícias

Exclusivo TV U/T-O: "Eu e Tu" é a próxima telenovela da TVI


Ainda as gravações de Eclipse mal começaram e a estação de Queluz de Baixo já trabalha na sua próxima telenovela. Com Sedução a acabar de ser rodada em meados de Abril, Maio marca o inicio das gravações de Eu e Tu, que substituirá a história de Rui Vilhena.


De acordo com o forista do TV Universo Prow, esta nova telenovela terá nos principais papéis Mariana Monteiro, Nuno Homem de Sá e Pedro Granger, apesar de este ter sido recentemente dado como próximo reforço da SIC.


Do restante elenco de Eu e Tu farão ainda parte Ricardo de Sá, e dois jovens ainda desconhecidos do público português. A pergunta que se coloca neste momento é se esta é a tão falada nova história de Tozé Martinho ou se o argumentista viu a sua telenovela novamente adiada.

Ponto M


Boa noite e bem-vindo a mais um Ponto M!

Hoje a nossa apurada critica fashionista reca
i sobre Ana Guiomar.


Estreou-se nos Morangos com Açúcar e conta com participações em novelas como Tempo de Viver, Perfeito Coração e na série Conta-me como Foi.
Na flor da idade, com 22 anos, Ana Guiomar tem um estilo dinâmico e muito actual.

Não poderia deixar de referir que adorava vê-la com o cabelo curto, o boy look assentava-lhe na perfeição! Continua a optar por ter o cabelo curto, mas rendeu-se á (tão na moda) franja.
Aposta na simplicidade e sofisticação nos seus looks o que, sem qualquer duvida, se adequa na perfeição. O seu estilo está em completa harmonia com a sua idade e isso é imperativo!


Gosto particularmente de lhe ver a cor preta, da qual usa e abusa, e que em muito a favorece! O vestido da esquerda é, para mim, fabuloso! O all black look, tipicamente clássico, foi uma óptima escolha! O facto de termos um vestido cai-cai, sem alças, que confere um toque de dinamismo e jovialidade ao conjunto, torna-se uma característica irreverente do mesmo. Por outro lado, ainda na mesma vertente, o vestido da direita é também uma óptima escolha. Adoro o facto de termos uns sapatos que se destacam do resto do conjunto, dando cor ao mesmo! Os pontos de cor são, por vezes, essenciais e neste caso assume-se mais uma vez como um ponto forte extremamente actual.



Gosto, ainda e particularmente do conjunto primaveril que ostenta e da cor da túnica que veste. Os adornos nos ombros, mais uma vez nos remetem para uma originalidade e um fora daquilo que é comum. Os peep toes (sapatos) que escolheu são adequados e leves.



Como ponto negativo apenas posso referir o vestido que escolheu levar aos Globos de Ouro. É exagerado, as sandálias em nada combinam, a mala muito menos e o penteado teria funcionado com um vestido mais ao estilo de Audrey Hepburn, de uma só cor.


Três Pontos

Mariana Monteiro volta a ser imagem da Seaside
A Seaside volta a apostar na actriz Mariana Monteiro como imagem da marca, desta feita na campanha Primavera/ Verão 2011.

Gerard Darel: os macacões estão de volta esta primavera
Macacões ou jumpsuits (como lhes preferir chamar) são uma das peças-chave da nova colecção de Gerard Darel. Em várias cores ou estampados, são perfeitos para um look versátil e muito actual.

Falar Televisão


A televisão pós-moderna

Muito se tem visto ao longo dos últimos anos em torno da televisão nacional. Vai já longe o tempo em que as famílias se reuniam em volta da televisão para ver o Festival da Canção ou acompanhar A Volta à França em Bicicleta. A televisão evoluiu em conjunto com uma sociedade que se apresenta cada vez mais exigente e onde a guerra das audiência leva a melhor. A questão que se impõe é, onde é que tudo isto vai culminar? Para onde nos dirigimos? Até onde seremos capazes de ir para aparecer no top dos dados audiométricos? 


A grande aposta do momento divide-se em dois potenciais produtos: ficção e reality-show. Ainda que este último tenha vindo a ganhar terreno, a ficção continua a ser a grande aposta audiométrica, já que o público parece não aborrecer-se com as sucessivas produções que têm vindo a ser feitas. Mas inovar é preciso, porque o público nunca está satisfeito, e é por isso que surgem novos enredos, com temáticas mais alargadas (para lá do rotineiro romance que culmina num final feliz) e com novas técnicas de produção. Surgem as séries, que em Portugal parecem estar ainda numa fase primordial, com a aposta em minisséries que têm trazido pouco sucesso face à habitual telenovela. Mas a aposta continuará e como em tudo na vida, o "povo" é quem mais ordena, e quando o "povo", que aqui se nomeia enquanto público, decidir que é o bastante, tudo perde efeito.

O reality-show aparece em Portugal pela primeira vez ao virar do século com Big Brother, na TVI. Uma autêntica revolução, diria. Ninguém se atrevia a não tomar conhecimento das novas zangas, dos novos atritos, do resumo do dia daquelas que se tornaram "estrelas à força". Estava criado o novo produto do século em Portugal, o reality-show! Outros se seguiram e o sucesso manteve-se, inovou-se com a ideia de colocar famosos em situações menos confortantes e chegamos aos dias de hoje, em que mais uma vez se aposta no mesmo com um pedacito de inovação. Gera-se agora o conceito de docu-reality, um programa com todo o fundamento de um qualquer reality-show, em que um conjunto de pessoas é forçado a viver situações que não lhes são comuns, ao qual se alia uma vertente documental, que pretende para além de entreter, educar! 




O futuro está em aberto e criatividade é o que não parece faltar ao ser humano, que se apresenta como um ser nunca saciado e sempre com vontade de mais e mais, não existindo qualquer limite para este desejo incontrolável. E na televisão? Até que ponto chegaremos? Até onde serão ultrapassados os valores outrora defendidos?


O que acha? Qual é a sua perspectiva da televisão pós-moderna?

"Globos de Ouro" começam a ser preparados!

A décima sexta edição dos "Globos de Ouro" já começou a ser preparada. Em parceria com a revista Caras, a estação de Carnaxide irá homenagear os melhores nas áreas do Cinema, Desporto, Moda, Música e Teatro. Serão 65 os profissionais a decidir quais os nomeados da gala deste ano, e a tarefa parece não ser nada fácil!
Segundo a directora da revista do grupo Impresa, "é uma festa com credibilidade, glamour e com todos os condimentos para ser a melhor que se faz em Portugal".

Gabriela Sobral é uma das estreantes na organização da décima sexta edição do certame, garantido desde já que o português de Portugal irá estar bastante patente na realização.
Não esquecer que para além das categorias mencionadas, será entregue o Globo de Ouro de Mérito e Excelência, que há cerca de um ano elegeu Artur Agostinho.


Quiosque: TV Mais

Esta noite...


O Ponto M, estará em linha às 21:00 em ponto!

Fernando Mendes "Perdido na Tribo"


Não, não é o famoso “Gordo” que vai participar no novo reality-show da TVI. Mas sim o antigo futebolista que tantas alegrias deu ao futebol português.


Fernando Mendes, que passou pelo Futebol Clube do Porto, Sporting e Benfica, é o décimo segundo participante de Perdidos na Tribo, adianta a Nova Gente on-line.


Cai assim por terra a possibilidade de Ivo da Silva, ex-concorrente de Secret Story partir durante três semanas para uma aventura que muitos apelidam de “inesquecível”.


Quiosque: Nova Gente

Fala-se! 31/03/2011



Boa tarde! São 15:00h em ponto e está em linha o Fala-se desta quinta-feira.


Pedro Barroso e Isabel Figueira


Há dois meses que a relação de Pedro Barroso e Isabel Figueira não passava por uma boa fase. Apesar da apresentadora sempre ter dito que a relação de ambos estava bem, ficou esta semana confirmado que não era bem assim.
A TV Guia  dá conta do fim do namoro entre os dois actores  e ao que tudo indica entre os factores que contribuíram para o fim da relação estiveram a recente doença que levou ao internamento de Isabel e a luta pela posse do filho.


 
Manuel Luís Goucha

Manuel Luís Goucha que há um tempo atrás nada ligava ao fenómeno das redes sócias, começou agora a olhar para elas de forma diferente.

O Facebook é a rede social que capta a atenção do apresentador durante algum tempo no seu dia-a-dia, “Não estou viciado, mas por carinho em média, tiro uma hora por dia para ver o que as pessoas escrevem e respondo às perguntas que colocam”, afirma à TV Guia.

Manuel Luís Goucha que já conta com mais de 47.000 mil fãs, recolhe ideias a partir do Facebook e apresenta-as no programa para quem sabe, darem origem a histórias bastante interessantes que podem vir a marcar presença no Você na TV.

A sua companheira das manhãs, Cristina Ferreira também aderiu a esta rede social e vence Manuel Luís Goucha no número de fãs.

Quiosque: TV Guia



Judite Sousa estreia-se hoje na TVI


É já hoje à noite, durante o Jornal Nacional, que a mais recente contratação de Queluz de Baixo se estreia.

Embora até aqui se tenha pensado que a jornalista apenas chegaria aos ecrãs da TVI a partir de amanhã, 1 de Abril, Ana Guedes Rodrigues acaba de anunciar para esta noite a primeira entrevista de Judite Sousa na TVI.


E para a estreia, um convidado muito especial: o ministro Teixeira dos Santos, naquela que é a primeira entrevista após a demissão de José Sócrates do governo.

A não perder, esta noite, durante o Jornal Nacional.

Revista de Imprensa-31/03/2011



Bom dia! Bem-vindo à rubrica Revista de Imprensa.

Teresa Guilherme em novela brasileira


Corria o ano de 2009 quando Teresa Guilherme foi sondada pela Globo para fazer uma novela, Negócio da China, mas a apresentadora não pôde aceitar o desafio porque apresentava na altura o programa Momento da Verdade na SIC.

Porém dois anos passaram e a actriz/apresentadora pode voltar a sorrir porque vai ver finalmente o seu sonho tornar-se realidade, que é como quem diz, vai fazer uma novela brasileira escrita pelo Miguel Falabella.

Teresa Guilherme vai interpretar a personagem de Lídia, mãe de Ricardo Pereira e prima de Maria Vieira, mais dois actores portugueses que vão rumar ao Brasil para participar neste projecto.

Para melhor desempenhar o seu papel Teresa Guilherme segredou à TV Guia que já anda a treinar o sotaque brasileiro com os seus amigos.

Um Mundo Melhor é o nome da novela que vai ter um forte registo assente no humor e que se vai passar essencialmente numa loja de luxo, além disso, várias cenas de amor que envolvem a apresentadora são uma das promessas.

Ao que tudo indica, Maio é o mês escolhido para começarem as gravações.
Com Teresa Guilherme no Brasil, ficam assim por terra os rumores que a davam como certa na TVI.


                                     Júlia Pinheiro feliz mas cansada



Os novos desafios propostos pela SIC à sua mais recente aquisição, Júlia Pinheiro, estão a deixar a apresentadora exausta.

Júlia tem a seu cargo a condução do novo programa das manhãs de Carnaxide, Querida Júlia, e já começou a gravar o novo Reality-show, Peso Pesado.

Numa roda-viva entre Lisboa e Alcácer do Sal, onde grava Peso Pesado, a apresentadora começa a dar sinais de cansaço, “Gravo todos os dias, menos ao domingo. Até já estou mais magra” revela à TV Guia desta semana.

Um motorista da SIC é quem tem ajudado a apresentadora, transportando-a até à herdade onde estão hospedados os concorrentes de Peso Pesado e depois até casa, “Se não fosse assim, acho que me espetava na estrada”, considera.

Apesar de todo o cansaço que paira sobre Júlia, a apresentadora está entusiasmada por conduzir um Reality-show diferente de todos aqueles que já deu a cara, na TVI.

“Já fiz muitos Relaity-shows, mas nunca com os limites que temos aqui. Os concorrentes não vêm à procura de fama ou prémio, eles vêm mostrar as suas fragilidades”, afirma à referida revista.

Todo o esforço que a apresentadora está a fazer pela estação de Carnaxide não passa despercebido ao director – geral da SIC, que vê em Júlia Pinheiro, a pessoa que pode trazer alegrias ao à televisão de Pinto Balsemão.

Citação do Dia:
"Estou loira, é um choque"

Sara Prata a propósito da mudança de visual para gravar Amor é um Sonho.

Curiosidade do Dia:


O novo Reality-show da TVI ainda não começou mas já tem uma página e mais de quatro mil seguidores no facebook. Agora já pode seguir tudo sobre Perdidos na Tribo Famosos, para isso, basta clicar no seguinte link:.https://www.facebook.com/perdidosnatribo


Quiosque: TV Guia


Fecho


Boa noite. O Fecho de hoje incluí uma crónica da autoria de Nuno Azinheira, retirada do Diário de Notícias.

Mata, esfola...

1. Depois de um início promissor e que puxava a SIC para cima, a Família Mata tem vindo a cair e começa a ser um problema no slot horário das 21.00. Na segunda semana de Março, quando começou, a série de humor chegava aos 25, 26 e até 27% de quota de mercado. Nas últimas cinco exibições, ficou por três vezes abaixo dos 20 pontos. Um valor fraco, ainda para mais para o investimento feito pela estação, numa série que reúne um excelente elenco, onde pontificam nomes como Rita Blanco, José Pedro Gomes, Maria João Abreu, entre outros. Para já, quem beneficia com a queda é José Carlos Malato.


Segunda-feira conseguiu a sua melhor audiência do ano e um dos shares mais altos da temporada.


Enquanto isso, Alexandra Lencastre vai dando cartas na novela da TVI.


2. A culpa é nossa. Na maior parte das vezes, quem escreve sobre televisão limita a nova luta das manhãs ao combate mano-a-mano entre Goucha/Cristina Ferreira, na TVI, e Júlia Pinheiro, na SIC. Do ponto de vista mediático, até se percebe. Júlia estava na TVI, ajudou a fazer da estação líder também no day time, e está agora do outro lado da barricada, combatendo contra o homem (Goucha) que teve ao seu lado, em dupla, tantas vezes, ao domingo à noite e em galas especiais.


Mas reduzir a luta a dois não é só injusto como é irreal: a Praça da Alegria ainda segunda-feira liderou grande parte do horário de exibição. Mesmo que para isso também utilize algumas das armas da concorrência. O crime, por exemplo, também lá está. Com simulações, retratos-robô e comentadores em estúdio. Tudo para dar ao público o que o público quer. É que se não os podes combater... junta-te a eles.


30 de março de 2011

Cine-Opinião


Boa noite, seja bem-vindo a mais um Cine-Opinião! Hoje falamos do filme “Indomável”, em exibição nos cinemas!

Nomeado para mais de meia dúzia de Óscares, “Indomável” não arrecadou nenhum prémio mas a sua qualidade é indubitável. Procurando fazer o cinema regressar aos velhos westerns, o filme retrata-nos a história de Mattie Ross (Hailee Steinfield), uma jovem de 14 anos que deixa a sua terra natal para vingar a morte do seu pai. Morto a sangue frio pelo cobarde Tom Chaney (Josh Brolin), Mattie encontra-se determinada em fazer justiça, levando o assassino à justiça pela morte do seu pai. É quando procura um homem capaz de a acompanhar na sua caminhada que se depara com um velho marshal, Rooster Cogburn (Jeff Bridges), um homem conflituoso e alcoólico, mas que aparenta ter todas as capacidades para cumprir o serviço. Enquanto se preparam para a viagem, que os levará até território índio, deparam-se com LaBoeuf (Matt Damon), um Texas Ranger que procura também Chaney. Contudo, este pretende que Chaney seja julgado pela morte de outro homem, e Mattie não está disposta a deixar que isso aconteça.

Um filme emocionante e carregado de nostalgia, “Indomável” consegue conquistar o público, independentemente de gostarem ou não deste género aparentemente já esquecido. A performance da jovem actriz é, de todas, a mais comovente. Quando o filme chega ao fim, e apesar do seu desfecho emocionante, fica no ar a sensação de que algo faltou – mas nem por isso o filme perde a sua magia.

A não perder!




Não foi o primeiro a ser dado como morto numa rede social e, como a maioria, já chegou a negação da sua morte. Jackie Chan foi objecto de um rumor através do Twitter e o boato esteve alguns dias em circulação.

Jennifer Aniston e Demi Moore são duas das estrelas que vão participar na realização de curtas-metragens sobre o impacto do cancro da mama dentro da iniciativa "Project Five".

A Associação de Estudantes Lusófonos em Newark e o Consulado Geral de Portugal realizam no próximo mês um ciclo de cinema de língua portuguesa na comunidade, com obras de Manuel de Oliveira, Sérgio Tréfaut e do jovem realizador local Yuri Alves. Até para a semana!

Falar Televisão


Sempre insatisfeita


Há uns anos, Iva Domingues era uma das caras da TVI que todas as tardes nos entrava pela casa dentro, através da televisão. Hoje em dia, é uma espécie de "apaga-fogos" da estação que a viu nascer e crescer.

Iva Domingues, iniciou-se no audiovisual no ano 2000, quando apresentou ao lado de Carlos Ribeiro o programa Cocktail Nacional.

Desde essa data, a apresentadora teve em mão vários projectos como por exemplo a apresentação do Reality-show A Bela e o Mestre, Quem Quer Ganha, o programa interactivo que veio a partilhar com Leonor Poeiras. Em Você na TV! substituiu Cristina Ferreira em Junho de 2008, enquanto esta se encontrava a desfrutar do período de licença de maternidade.


Apesar destes projectos, nem tudo correu da melhor maneira. Se bem me lembro, Iva foi a personagem central de várias notícias que saíram em algumas revistas de televisão que davam conta do seu mau feitio nos corredores da TVI devido a ser (sempre e só ela) a escolhida para cobrir os "buracos”"deixados por outros colegas (como por exemplo a substituição de Leonor Poeiras enquanto esta se encontrava de férias). Falou-se inclusivamente que Iva tinha ciúmes da apresentadora de "Perdidos na Tribo".

Depois de apresentar recentemente o programa Notícias das Estrelas no TVI24, Iva regressou à generalista para conduzir o programa Depois da Vida. Posteriormente foi chamada para fazer um especial com Fátima Lopes e, actualmente, está a substituir até inicio de Abril a colega de outros tempos, no programa Agora é que Conta.


Foi nestas aparições recentes que a apresentadora me chamou à atenção, devido a uma frase que teima em dizer. Afinal, de cada vez que entrou em estúdio, Iva Domingues não se cansou de afirmar “eu quero isto todos os dias”, “eu quero um público assim todos os dias” - disse-o na emissão do especial Juntos por Si e disse-o na semana passada na sua estreia em Agora é que Conta.

Compreendo que Iva queira mais oportunidades na TVI, porém estas não lhe têm faltado. Na minha opinião, a apresentadora pode contentar-se porque para além de já ter experimentado vários tipos de programas, desde reality-shows até talk-shows, teve a sorte de trabalhar com os melhores profissionais de comunicação.

A juntar a tudo isto, também é frequente a sua aparição na extracção dos números do Euromilhões.

Eis então que me vem à cabeça a seguinte questão: se Iva se queixa da sua posição na TVI, manifestando alto e bom som que quer público todos os dias, o que dirá Marisa Cruz?

Enfim, todos sabemos que a RTP, SIC e TVI têm algumas das suas estrelas na prateleira, que devem estar prontas para entrar em acção a qualquer momento. A RTP tem por exemplo Sílvia Alberto, a SIC tem José Figueiras, Merche Romero e Nuno Graciano e a TVI tem Marisa Cruz e Iva Domingues, apesar de esta querer público todos os dias.

Será que a TVI vai atender os pedidos de Iva?

"Perfil" quer ganhar a "Fama" e "Só Visto!"


Depois do término de "Deluxe", a TVI deixou de ter um espaço que promovesse as caras e os projectos da estação. Na semana passada, ficámos a saber que "Perfil" seria o sucessor do programa apresentado por Rita Seguro.
Agora, passados sete dias, a TV Guia noticia que o objectivo do canal da Media Capital é outro: ganhar à concorrência. Com estreia prevista para 2 de Abril, o magazine irá ser exibido após o "Jornal da Uma", e batalhar indirectamente com "Fama Show" e "Só Visto!".


Com reportagens sobre as caras da estação, "Perfil" irá igualmente contar com alguns dos programas mais emblemáticos da TVI. "Outro dos objectivos passa também por recuperar marcos da estação", confirmou uma fonte da produção à TV Guia.

Com Mónica Jardim, Tatiana Figueiredo e Marcos Pinto no terreno, parece que não irá existir um apresentador em concreto no programa, tal como explicou Filipe Terrua: "O objectivo é conquistar telespectadores pelo conteúdo em si e não pelos rostos que fazem o programa".


Resta então esperar pela nova aposta da TVI, e verificar se o magazine semanal mais visto da televisão portuguesa continua a ser "Fama Show".

Quiosque: TV Guia

José Castelo Branco anseia ficar "Perdido"


É o quarto reality-show em que José Castelo Branco vai participar e, mais uma vez, os portugueses poderão contar com muitos momentos cómicos por ele protagonizados. Segundo o socialite, o facto de poder viver algumas semanas sem dinheiro, sem televisão, e apenas com o objectivo de sobreviver, dá-lhe a possibilidade de renascer numa outra vida. "Vou adorar! Estou a imaginar os indígenas a olhar para mim, a tocarem-me, a sentirem-me... Em toda a filosofia clássica, greco-romana, pessoas diferentes como eu eram considerados deuses. Já estou a imaginar fazerem uma grande fogueira e de repente: 'comemos? canibais' ", explicou José Castelo Branco à Mariana.

O cantor não esqueceu igualmente o estado do mundo e, como tal, "Perdidos na Tribo" será uma boa solução para esquecer todos as notícias negativas e o pessimismo dos últimos tempos: "Estamos num tempo horrível, é tsunamis de um lado, terramotos do outro, é destruição, são os Kadhafis da vida a quererem matar o mundo inteiro e nós temos de acordar e divertirmo-nos. Dinheiro não há, não faz mal".

Por fim, o antigo apresentador da TVI apenas garante o seguinte: "Haja festa!".

Quiosque: Mariana

Marco Paulo em "Laços de Sangue"!


O conhecido cantor português fez uma participação especial na novela de horário nobre da estação de Carnaxide. Tendo o Restaurante M como palco, Marco Paulo cumpriu um dos seus sonhos. "Já gravei discos, faço concertos, apresentei programas de televisão, fiz publicidade, só me faltava isto", confessou à Mariana, a revista que lhe proporcionou esta experiência.
Com um ambiente bastante acolhedor, Marco Paulo sentiu-se em casa, próximo de vários amigos de longa data: "Encontrei um ambiente muito agradável, fui muito bem recebido, toda a gente me recebeu bem e os actores, principalmente aqueles com quem tive oportunidade de contracenar, puseram-me muito à vontade. A Lia Gama, que conheço há anos, a Joana Santos, que é uma simpatia, a Gracinda Nave, que foi a minha contracena... muito simpática".

Bastante satisfeito com o trabalho realizado, o cantor terá de esperar um mês e meio para se ver em "Laços de Sangue". Segundo ele, esta experiência serviu para ficar com outra imagem da ficção em Portugal: "É o trabalho de muita gente e muitas vezes não é reconhecido como devia".

Quiosque: Mariana