13 de fevereiro de 2011

O Protagonista

Boa noite! O Protagonista deste domingo ocupa o lugar que na semana passada pertencia a Luciana Abreu. Depois de tantas transferências, contratos milionários, apostas inesperadas, chegou a vez de Manuel Luís Goucha falar sobre o seu futuro na televisão. Por isso, e não só, é ele o Protagonista desta rubrica!


Sem dúvida que é um dos apresentadores mais cobiçados pelas generalistas. Depois de um percurso com algumas curvas na RTP1, Manuel Luís Goucha encontrou a estabilidade na estação de Queluz de Baixo. Sempre com um sentido de humor na ponta da língua, o apresentador sabe actuar no momento ideal. É o líder das manhãs, e com a sua colega Cristina Ferreira prepara-se para um novo projecto em horário nobre, a quarta temporada de Uma Canção Para Ti.

Uma vez dizeram-se o seguinte: "Eu gosto da TVI porque é o canal do povo!". Sem dúvida alguma que consigo integrar Manuel Luís Goucha nesta citação, na medida que é dos poucos que está sempre disposto a rir, a chorar e, essencialmente, a tentar dar um pouco mais aos telespectadores. Ciente de que o seu programa vence nas manhãs das generalistas, o apresentador não se fica por simples piadas ou piscar de olhos, contribuíndo sempre com a sua opinião para os mais variados assuntos. Apesar de algumas vezes tomar partidos, é difícil na televisão que estes não transparecem para o público. No entanto, e mais importante que isso, é o facto de Manuel Luís Goucha estar sempre disponível para esclarecer, e não se ficar por meras perguntas.


Na TVI há vários anos, tem criado uma grande empatia com os telespectadores. Para trás ficaram alguns fracassos, tal como todos os profissionais de televisão. Recebendo um bom ordenado no canal da Media Capital, que vai de encontro ao seu excelente trabalho, o apresentador não nega um sentimento de tristeza com a saída de vários colegas para outras estações. Se José Eduardo Moniz era um dos seus pilares, Gabriela Sobral e Júlia Pinheiro não se ficavam atrás do antigo homem-forte de Queluz de Baixo. É neste sentido que Goucha adopta uma atitude de que nada é eterno. O seu contrato com a TVI durará até 2014, porém quem lhe garante que não surgirão novas e melhores oportunidades na concorrência? Foi esta semana, e numa entrevista à TV Guia, que o colega de Cristina Ferreira deu a conhecer a sua opinião sobre esse assunto.

Independentemente do futuro, a verdade é que muito dificilmente existirá outro Manuel Luís Goucha. Sendo ele único, não tenho dúvidas que funcione como uma segurança para qualquer canal. Na SIC, poderia experimentar as tardes, apesar do seu público não ser bem esse. No entanto, "quem não arrisca não petisca", e esse poderia ser um dos principais passos para a estação de Carnaxide resolver o seu problema da Boa Tarde. Por mais dedicação que Conceição Lino tenha com o trabalho de apresentadora, por mais ideias que desenvolva, este talk-show não será daqueles que os telespectadores se irão recordar daqui a cinco anos.
Goucha, com a sua boa disposição, poderia ser uma óptima solução para este flop de audiências.



O porquê de Goucha ser O Protagonista desta semana? No meio das polémicas com o reality-show Mulheres Ricas, com os desenvolvimentos do novo talk-show Querida Júlia, ou com as histórias de vida dos talentos da SIC, o colega de Critina Ferreira é dos poucos que consegue manter uma estabilidade emocional e profissional exímia. O futuro a Deus pertence, e o de Manuel Luís Goucha poderá passar pela concorrêcia, quem sabe...

3 comentários:

meteo@lentejo disse...

para mim em Setembro o Manuel está na sic

Anônimo disse...

nao percebo o porque de os apresentadores da tvi serem sempre a solução para os problemas da sic...enfim

DS disse...

Talvez porque são os mais fortes em termos de audiência, ou melhor, conseguem mover mais público, coisa que a SIC teima em alcançar.
Cumprimentos,
DS